Redes Definidas por Software

Como uma das minhas linhas de pesquisa, quero trazer nesta publicação uma base do que são as Redes Definidas por Software (Software-Defined Networks, ou SDN).

SDN é uma abordagem de redes em que o controle tradicional é removido do hardware e dado a um software de aplicação, chamado controller.
Numa rede tradicional, quando os pacotes chegam a um switch, regras determinadas e implantadas no firmware do switch proprietário dizem ao switch para onde encaminhar os pacotes. O switch envia cada pacote que vai para o mesmo destino através do mesmo caminho, e trata os pacotes exatamente da mesma maneira. No mundo enterprise, switches inteligentes desenhados com Circuitos Integrados de Aplicações Específicas (ASIC) são sofisticados o suficiente para reconhecer diferentes tipos de pacotes e tratá-los de forma distinta, mas estes switches possuem um custo elevado para aquisição.

Em Redes Definidas por Software, o administrador pode moldar o tráfego a partir de um console central de controle sem a necessidade de ter que configurar switches individuais. O administrador pode modificar qualquer regra do switch quando considerar necessário - priorizando, ou não, pacotes, caminhos, e ainda bloquear tipos específicos de pacotes com um nível considerável de controle. Esta questão é especialmente útil em uma arquitetura multi-tenant de Computação em Nuvem porque permite ao adminsitrador gerenciar cargas de tráfego de uma maneira mais flexível e eficiente. Essencialmente, isto permite ao administrador gastar menos com switches e obter mais controle sobre o fluxo de tráfego na rede que antes.

SDN é, algumas vezes, referenciada como "CISCO killer" porque permite aos engenheiros de rede suportarem "switching fabric" através do hardware de múltiplos fornecedores e ASIC.

Atualmente, a especificação mais popular para a criação de uma SDN é o padrão aberto chamado OpenFlow. O OpenFlow permite aos administradores da rede o controle remoto das tabelas de roteamento.

Muito se discute sobre os impactos que as SDN teriam em redes e sistemas legados, outro tópico levantado é se o grande hype criado em torno do padrão OpenFlow realmente difere daquilo que já foi feito pela Ipsilon Networks nos anos 90.

Felipe Alencar

Felipe Alencar é doutorando em Ciência da Computação na UFPE, professor, desenvolvedor e acredita que só não virou jogador de futebol, surfista ou músico profissional por falta de tempo e talento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário